Este espaço comunicativo foi pensado com o propósito de facultar a todos os interessados um conjunto de reflexões e recursos didácticos relativos ao ensino das disciplinas de Filosofia e Psicologia, acrescentado com alguns comentários do autor.

posts recentes

Política: da teoria à má ...

Filosofia, pensamento crí...

Reuniões, reuniões... e b...

Dia Internacional da Filo...

Escola a Tempo Inteiro: u...

Lobbying na RAM?

Profissionalismo e Profis...

Kant e a intenção na ação

Uma lição de estética

Ser professor hoje

Tempo e Liberdade

O que é a Guerra?

O aborto: questões para u...

Retórica "branca" e retór...

Do concurso de Professore...

Dia internacional da Filo...

Inteligência emocional e ...

Sobre o conceito de Disle...

O sexo: "dois num só"

Autoregulação da Profissã...

Concursos RAM: Mérito ver...

Globalização e Educação

Ainda vale a pena ser pro...

Em defesa da escola públi...

Teoria(s) versus realidad...

O conceito de razão

Dilemas morais

Gilles Lipovetsky – O ind...

A Condição Humana

António Barreto: Um rumo ...

Serge Latouche e a via do...

A palavra ou o silêncio?

O valor da assiduidade no...

Porque andamos tão triste...

A questão da liberdade e ...

Academia de Filosofia UCP...

O objectivo da Ciência

Democracia, que futuro?

Aprender a deixar de Ser

O que é a Percepção?

Cortes salariais: quem no...

Sobre a Sofística

O facto científico: o que...

Democracia, política e me...

O critério da verificabil...

Alegoria da linha: Platão

Ser pai: incertezas e ale...

O eterno fim

O problema da indução no ...

Existência e Morte

arquivos

Março 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Junho 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Junho 2014

Maio 2014

Maio 2013

Março 2013

Novembro 2012

Outubro 2012

Junho 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Novembro 2010

Outubro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Junho 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Maio 2007

Relógio:

Quem nos visitou:

Março 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

13
14
15
16
17
18

19
20
21
22
23
24
25

26
27
28
29
30
31


sobre mim:

Quinta-feira, 3 de Julho de 2008

Sócrates na "Grande Entrevista"

-“O dever de um governo, de um governante é nunca desistir do seu povo, de dar confiança ao seu povo…”
 
-“Tenho uma orientação e uma estratégia: em primeiro lugar, evitar fazer asneiras… evitar soluções fáceis…”
 
-“Hoje encontro mais razões para descer o IVA do que à uns meses atrás… é uma decisão de que não me arrependo e me orgulho…”
 
-“No dia 10 de Julho, no debate do estado da nação, vamos apresentar uma proposta que aumente a dedução fiscal do crédito à habitação para as famílias com mais dificuldades… e vamos também mudar o IMI… que no ano passado subiu 15%... vamos alterar isso.”
 
-“Acho que reduzir os impostos em 2009 seria uma aventura… mas não sabe como isso me daria gosto.”
 
“O que eu não gosto é de insultos! O insulto é a arma dos fracos!”
 
(A propósito da manifestação da CGTP que juntou em Lisboa 200 mil manifestantes)
-“Duzentas mil pessoas é muita gente e eu tenho imenso respeito, mas mais respeito tenho pelo meu ponto de vista…”
 
Comentário pessoal:
Numa altura em que sectores como a saúde e educação atravessam problemas estruturantes, nenhum dos dois jornalistas de RTP se lembrou de colocar qualquer questão sobre estes temas. Afinal, os milhares de agentes educadores do país e de doentes que esperam desde a madrugada por uma consulta médica nos postos de saúde públicos, viram defraudadas as suas expectativas porque não ouviram nenhuma explicação do Sr. Primeiro-ministro sobre estes temas que os afectam no dia-a-dia. Provavelmente, como não são economia - apenas significam despesa – é assunto de pouca ou nenhuma importância…
 
Miguel Alexandre Palma Costa

 


rotasfilosoficas às 12:33

link do post | favorito
 O que é? |  O que é?

Funchal comemora dia da Região

A cidade do Funchal comemorou ontem (01.07.2008) - no parque de Santa Catarina, o dia da Região e das comunidades madeirenses - com mais um concerto da Orquestra Clássica da Madeira e o Coro do Conservatório - Escola Profissional das Artes da Madeira.
As altas individualidades da região não faltaram à chamada, pelo que na plateia estavam diversas figuras públicas, entre as quais o vice-presidente do Governo Regional, João Cunha e Silva, o novo Bispo do Funchal, D. António Carrilho, e alguns secretários regionais.
No palco, a acompanhar a Orquestra Clássica da Madeira e o Coro do Conservatório, estiveram ainda alguns artistas convidados, nomeadamente a soprano Ângela Alves, a meia soprano Patrícia Quinta, o tenor Mário Alves e o barítono Luís Rodrigues.
Do folhetim apresentado constaram árias e coros de ópera de vários compositores, entre os quais, Puccini, Verdi e Mascagni, tendo o concerto sido aberto com a peça “Porgy and Bess” de G. Gershwin.
Refira-se ainda que o concerto foi conduzido pelo jovem maestro, Rui Massena, enquanto que o Coro do Conservatório foi dirigido pelo professor João Atanásio.
 

 

Miguel Alexandre Palma Costa


rotasfilosoficas às 11:52

link do post | favorito
 O que é? |  O que é?

pesquisar

 

O tempo por cá

links

Bandeira portuguesa Pictures, Images and Photos